10 Frases Inspiradoras de Tony Robbins para estimular sua equipe

0
449
Possa existir no subconsciente das pessoas é possível reprogramar sua forma de pensar.

É bem conhecido que uma equipe motivada e bem preparada é infinitamente mais capaz de realizar seu trabalho da melhor maneira, além de potencializar o tempo e qualidade dessas tarefas.

Para conseguir fazer isso um líder precisa estar sempre atento a seus colaboradores, além de se aperfeiçoar sobre as melhores formas de trabalhar com cada equipe e indivíduo.

Sabendo quais métodos podem ser usados para estimular sua equipe, e tendo conhecimento de quais são as características daqueles que a compõem, é mais fácil ao líder os liderar até os melhores resultados possíveis.

Para isso são vários os especialistas que se dedicam a criar maneiras de melhorar a comunicação no ambiente corporativo, os métodos de preparar seus colaboradores e técnicas para estimular a todos.

Equipe esforçada trabalhando juntos.
Equipe esforçada trabalhando juntos.

Entre eles está Tony Robbins, que vem conquistando a confiança de milhares de profissionais e empresários pelo mundo com seus ensinamentos, sendo inclusive conhecido por ensinar pessoas de grande influência como o ex presidente americano Bil Clinton.

Sendo ele uma pessoa com grande conhecimento sobre marketing, técnicas motivacionais e de desenvolvimento de comunicação interna e externa, usada para melhorar o ambiente de trabalho e maximizar o trabalho produzido ali, separamos aqui dez frases suas que podem ser usadas para estimular sua equipe.

Mas, antes disso, iremos conhecer um pouco sobre quem é esse profissional tão renomado, um pouso sobre sua linha de pensamento e como ela leva as frases dispostas aqui.

Quem é Tony Robbins?

Nascido como Anthony Jay Mahavorick, e mundialmente conhecido hoje apenas como Tony Robbins, o escritor, palestrante motivacional, estrategista, coach, treinador comportamental e empresário americano nasceu em uma família de classe trabalhadora e mudou seu sobrenome ainda na infância, adotando o de seu padrasto.

Sua carreira começou quando ainda era jovem, ao conseguir um emprego para organizar seminários de Jim Rohn, um já conhecido palestrante motivacional da época.

Com o tempo, e através do seu enorme talento para falar em público, Tony Robbins começou a se aperfeiçoar, criar suas próprias palestras e então livros e treinamentos, aos quais se popularizaram pelo mundo, fazendo com que até 2019 ele já tivesse treinado mais de 50 milhões de pessoas em 100 diferentes países.

Escritor, palestrante motivacional, estrategista, coach, treinador comportamental e empresário americano.
Escritor, palestrante motivacional, estrategista, coach, treinador comportamental e empresário americano.

Para isso ele usou, além dos eventos presenciais, de livros, vídeos, documentários, treinamentos imersivos, programas de áudio, e tudo mais que a tecnologia pode prover nos dias de hoje.

Com o tempo Tony passou a falar da Programação Neurolinguística (PNL) em suas palestras, trazendo ao centro do debate o poder que as palavras geram em nossas vidas, ações, escolhas e atitudes perante nossa vida pessoal e profissional.

Através da junção da Programação Neurolinguística e dos ensinamentos de Tony Robbins quanto a melhor forma de lidar com problemas vividos dentro do mundo corporativo, desafios enfrentados pelos profissionais, entre outras circunstâncias, ele criou uma técnica que usa das palavras e da repetição delas.

Atualmente, além das palestras e eventos que o profissional organiza ao redor do mundo, ele também possui uma série de empresas e empreendimentos, aos quais possuem um faturamento anual avaliado em cerca de 5 bilhões de dólares.

Esse fato fez com que a importância do que Robbins tem a ensinar se tornasse ainda mais relevante a muitos empresários e indivíduos em geral, o que o colocou no TOP 50 das pessoas mais poderosas do globo dentro do ramo de finanças mundiais.

A importância da Programação Neurolinguística

A Programação neurolinguística surgiu primeiramente nos anos 1970, através de estudos realizados pelo John Grinder, um professor de linguística, e Richard Bandler, um estudante de psicologia.

Através das análises de ambos eles buscavam encontrar os motivos de alguns de seus colegas de academia serem tão efetivos em seus trabalhos, e maneiras de replicar o mesmo em pessoas que não o fossem.

Foi assim que começou a surgir uma abordagem, hoje reconhecida como uma forma pseudocientífica, que visa usar da comunicação para criar um desenvolvimento pessoal e psicoterapêutico.

Possa existir no subconsciente das pessoas é possível reprogramar sua forma de pensar.
Possa existir no subconsciente das pessoas é possível reprogramar sua forma de pensar.

Essa técnica foi ampliada por vários outros estudiosos, que passaram a usá-la nas artes, na política, nos negócios e até mesmo nas vendas. Para isso é feito uma análise profunda sobre quais são os padrões internos dos indivíduos, suas razões para tomada de decisões, passando por suas crenças e pressupostos.

Usando do conhecimento daquilo que possa existir no subconsciente das pessoas é possível reprogramar sua forma de pensar, o que influencia em seu modo de agir e gera até mesmo consequências em seu corpo e estilo de vida.

Quando Tony Robbins passa a usar da Programação neurolinguística em suas palestras ele a usa como uma forma de ajudar a seus aprendizes a reprogramar suas mentes, assim melhorando seu foco, desenvolvimento e produção no ambiente de trabalho.

Mas, só é possível fazer isso com uma estratégia que vise o auto melhoramento abrangendo toda a sua vida, incluindo a parte pessoal dela, identificando nossos modelos mentais, os questionando e então refletindo sobre como os melhorar e resinificar.

As 10 frases inspiradoras para ajudar a estimular sua equipe:

Entre os vários passos e ensinamentos dados por Tony Robbins estão alguns, tidos como principais, que irão nortear a reprogramação feita em nossas mentes, através da fixação e repetição das palavras, assim como ações de acordo com o que elas dizem.

1- “Identifique seus problemas, mas dê sua força e energia para as soluções”.

Para evoluir é preciso conhecer bem a si mesmo, já que para resolver problemas e aprender a lidar com seus próprios defeitos é preciso ter consciência de que eles existem, assim como qual a extensão das consequências deles em sua vida.

Infelizmente, ou felizmente, todos temos problemas em nossas vidas, seja ela pessoal, profissional, financeira ou mesmo acadêmica. O segredo está na forma como lidamos com cada um deles.

Usar nossa força e energia para nos lamuriar sobre os obstáculos não o farão desaparecer, mas usá-las para encontrar as soluções e colocá-las em prática pode mudar completamente o panorama em que estamos vivendo.

Encontrar as soluções e colocá-las em prática.
Encontrar as soluções e colocá-las em prática.

2- “Estabelecer metas é o primeiro passo para transformar o que é invisível em visível”.

Segundo os ensinamentos de Robbins mesmo as menores das mudanças podem nos trazer grandes resultados, desde que nos foquemos nos resultados futuros, através de uma estratégia e ações constantes para que eles sejam alcançados.

Sua mente deve aprender a ver que mais importante do que as atividades realizadas são os resultados que devem ser obtidos com elas, assim estabelecendo objetivos claros as quais podem resultar em metas menores durante o caminho.

Tendo pleno conhecimento de onde quer chegar, assim criando estratégias para caminhar até ele, passamos a tornar o invisível em algo visível em nosso futuro, desde que nossas ações correspondam a essa visão.

3- “Mudar uma organização, uma companhia, um país – ou o mundo – começa com o simples passo de mudar a si próprio”.

Muito do que se pode aprender com Robbins é sobre como, para uma mudança de grandes proporções, é preciso, antes de qualquer outra ação, olhar para dentro de si mesmo e refletir sobre suas próprias fraquezas, defeitos, forças e necessidades.

Para que uma empresa esteja repleta de profissionais capacitados, assim formando uma equipe que consiga estabelecer metas, alcançá-las da melhor maneira e lidar de forma proativa e eficiente com problemas que possam surgir, é preciso antes de mais nada preparar cada integrante de maneira individual.

Sendo assim, além de treinamento e cuidados que a organização deve ter de forma única, é preciso que o líder estimule sua equipe e a auxilie nesse melhoramento pessoal, que resultará em uma evolução coletiva.

Olhar para dentro de si mesmo e refletir.
Olhar para dentro de si mesmo e refletir.

4- “Quanto maior o seu nível de energia, mais eficiente é o seu corpo. Quanto mais eficiente for o seu corpo, melhor você se sentirá e mais você vai usar o seu talento para atingir resultados extraordinários”

Além de ensinar a como fixar a positividade e a constante sede de alimentar a própria mente, desenvolver talentos, combater suas fraquezas e trabalhar em sua capacidade de comunicação, interna e externa, Robbins também frisa a necessidade de se atentar a própria saúde.

Para isso é preciso cuidar tanto de sua mente quanto de seu corpo, não o privando do descanso necessário e dando a ele o necessário para se desenvolver da melhor forma, em especial quando se trata de exercícios físicos e alimentação.

As necessidades físicas é algo necessário e extremamente importante para melhorar sua capacidade de produzir e trabalhar em sua melhor forma, mas a habilidade de saber quando descansar sua mente também é necessária.

Segundo Tony aquele que não tira ao menos dez minutos do dia para si mesmo não poderá alcançar suas metas. Além de tempo para se dedicar a si mesmo e seus hobbies, ele também aconselha a separar momentos para passar em família e com amigos.

Melhorar sua capacidade de produzir e trabalhar em sua melhor forma.
Melhorar sua capacidade de produzir e trabalhar em sua melhor forma.

5- “Mais importante ainda, talvez devêssemos estar nos perguntando: ‘Como vou viver os próximos dez anos de minha vida? Como vou viver hoje a fim de criar o amanhã pelo qual me empenho? Como vou me posicionar de agora em diante? O que é importante para mim neste exato momento, e o que será importante para mim a longo prazo? O que posso fazer hoje para moldar meu supremo destino?’”.

Através de todos esses questionamentos Robbins e o líder de uma equipe buscam estimular seus colaboradores a refletirem sobre o modo como estão vivendo, se ele é realmente a maneira como desejam usar seus anos de vida e qual visão de futuro desejam para si mesmos.

Encontrar algo que ama para se trabalhar, além de aprender a lidar com as provações que qualquer profissão exige, faz com que o desempenho de cada profissional seja de uma qualidade muito maior.

Além disso, aquele que está satisfeito com sua carreira, que ama o que faz e se compromete a melhorar em suas atividades, acaba acrescentando ainda mais a sua empresa.

6- “Se você faz o que sempre fez, você obterá o que você sempre obteve”

Uma vida completamente livre de riscos acaba sendo uma trajetória sem oportunidades de alcançar novas conquistas, já que realizar sempre as mesmas tarefas, que resultam sempre nos mesmos resultados, leva o indivíduo a uma situação de comodismo que torna sua vida em algo estagnado.

O mesmo vale para o ambiente de trabalho, onde evoluir é essencial para ajudar a si mesmo e a sua empresa a crescer. Por isso, se contentar com o que está realizando, e recebendo, se torna algo negativo.

O ideal é que o profissional esteja em busca de acrescentar mais a si mesmo e suas realizações, e isso só vem através de mudanças, que podem ou não serem feitas através de alguns riscos.

evoluir é essencial para ajudar a si mesmo e a sua empresa a crescer.
Evoluir é essencial para ajudar a si mesmo e a sua empresa a crescer.

7- “Decidir se empenhar por resultados a longo-prazo, em vez de soluções de curto prazo, é uma decisão tão importante quanto qualquer outra que você venha a tomar em sua vida”.

Aqueles que se limitam a resolver problemas imediatos acabam apenas postergando problemas maiores, além de terem uma visão limitada de situações, algo que pode ser grave dentro do ambiente corporativo.

A resolução de problemas deve ser visto como algo que necessita de estratégias bem elaboradas e colocadas em prática da melhor forma possível, algo que só é possível realizar através de um planejamento a longo prazo.

Além disso, para se alcançar metas e objetivos é preciso pensar bem além do curto prazo, e fazendo isso é possível até mesmo prever e criar formas de lidar com problemas e crises futuras.

8- “Lembre-se de que não há fracassos na vida. Há apenas resultados. Se não conseguiu os resultados que queria, aprenda com a experiência, para que no futuro tenha referências para tomar”.

O medo do fracasso é a origem dos problemas de muitas pessoas, como a insegurança e a hesitação para tomar decisões e realizar ações, em especial aquelas que possam ser vistas por outras pessoas.

Entretanto, os erros são parte fundamental da vida de qualquer pessoa, inclusive no âmbito profissional, e cabe ao líder auxiliar para que eles aconteçam o mínimo possível, mas quando ocorrerem serem fontes de aprendizado.

Os profissionais não devem se sentir reprimidos por seus erros, ou a culpa e vergonha deles os impedir de tentar novamente e até mesmo melhorar em suas atividades.

Por isso, compreender que fracassos também são fonte de aprendizado, e que não serão julgados de forma desproporcional por eles, é essencial para estimular sua equipe, tanto para os ver de forma positiva quanto para cometer menos erros com o tempo.

Compreender que fracassos também são fonte de aprendizado.
Compreender que fracassos também são fonte de aprendizado.

9- “Na vida um monte de gente sabe o que fazer, mas poucos fazem, de fato, o que sabem que é preciso. Saber não é o suficiente. Você precisa agir”.

O conhecimento teórico é essencial para qualquer profissão, já que ele é a base para realização das tarefas mais simples às mais complexas. No entanto, o conhecimento por si só, não é algo que acarreta mudanças e resultados, mas sim as ações que são feitas o utilizando.

Desenvolver as mais variadas e bem planejadas estratégias, visualizar objetivos e metas e criar padrões para si mesmo de nada serve se todos esses componentes não forem colocados em prática através de ações.

Por isso, tão importante quanto planejar é executar, já que nada acontece enquanto escolhas não geram ações.

Importante quanto planejar, é executar.
Importante quanto planejar, é executar.

10- “Para nos comunicarmos efetivamente, precisamos entender que todos nós percebemos o mundo de maneira diferente e usar esse entendimento como guia para nossa comunicação com os outros”.

Todos somos carregados de pré-conceitos, crenças, aprendizados dos mais variados e vivências únicas, que moldam nossa personalidade, caráter e visão de mundo.

Isso faz com que sejamos diferentes de todos os outros seres que existem ou já existiram, por mais semelhantes que alguns possam se considerar ser. Ter isso em mente é essencial para compreender que o mundo não é da forma como o vemos, ou ao menos não apenas dessa forma.

Isso auxilia em nosso aprendizado de como nos relacionar e nos comunicar de maneira mais efetiva, respeitosa e com maior qualidade com outras pessoas, inclusive companheiros de trabalho.

Além disso, saber que existem milhares de outras visões de mundo, permite que sejamos mais abertos a opiniões alheias e compreensivos com as diferenças que são plenamente naturais entre nós mesmos e as pessoas que nos cercam.

Landing Strategybox
Artigo anteriorO que é e para que serve o CAGED?
Próximo artigoRH: Sua equipe tem o tamanho certo para atender a empresa?
Ana Famá é empresária e CEO, que atua e dirige uma das empresas mais bem-sucedidas de Incentivos, Reconhecimento e Programas de Fidelização no Brasil - a StrategyBox. Atuando na área há mais de 20 anos, já desenvolveu programas e campanhas para todos os segmentos e tamanho de organizações. Ana se formou em Administração de Empresas pela Fundação Armando Alvares Penteado (São Paulo, Brasil), com especialização na Eastern Illinois University (Charleston, IL). Em 2004, conquistou seu Mestrado em Administração de Empresas pela USP - Universidade de São Paulo, e é também conselheira formada pela FDC.