10 Ideias de Campanhas de Incentivo no Home Office

0
54
Ideias de Campanhas de Incentivo no Home Office
Ideias de Campanhas de Incentivo no Home Office

O trabalho em Home Office propõe grande desafios para gestores, líderes e profissionais dos mais diversos setores. A grande questão aqui é: como manter a motivação, disciplina e produtividade mesmo em momentos que exigem tanta adaptação e flexibilidade? Bom, é isso que vamos responder e, então, apontar um norte neste artigo. Leia até o final e descubra as ótimas ideias de campanhas de incentivo no Home Office.

Em razão do COVID-19, diversos colaboradores que nunca trabalharam fora do escritório viram-se obrigados a se adaptar ao chamado home office e, com isso, novos desafios foram surgindo.

Mesmo com os diversos benefícios do Home Office, manter o grau de produtividade com tantas distrações ao nosso redor, continuar empenhado e motivado mesmo com um cenário de pandemia enquanto lida com as adaptações do “novo normal” não é tarefa das mais fáceis.

O fato é que manter a motivação de uma equipe é um dos principais fatores para o estímulo da produtividade. Assim, partindo dessa premissa, ter um plano de motivação é fundamental durante o home office sem data para acabar.

Pelo menos é isso que apontou uma pesquisa do Instituto Locomotiva, que mostrou que 45% dos profissionais que recebem alguma premiação da empresa se mostram mais satisfeitos com o trabalho e 87% deles apontam as premiações como um fator importante de valorização profissional.

E para ajudar você e sua equipe a lidarem com os desafios do Home Office, as práticas da campanha de incentivo se adaptaram para propor novos meios de motivar e manter negócios lucrativos, enquanto proporciona bem-estar e satisfação dos colaboradores.

Ideias de Campanhas de Incentivo no Home Office

As campanhas de incentivo são ferramentas amplamente exploradas dentro do Endomarketing e aderidas pelos setores responsáveis pelo gerenciamento de pessoas e líderes a frente de organizações inovadoras e lucrativas.

Visto que prática costuma obter retornos positivos no curto, médio e longo prazo para a organização, as campanhas propõe um cenário de motivação, produtividade e realização pessoal diante dos perfis dos colaboradores de uma empresa.

Sendo assim, desenvolver práticas de incentivo em meio a uma nova realidade de trabalho faz com que a empresa se mantenha competitiva, atingindo seus objetivos e criando um senso de pertencimento na equipe.

Pensando em todos esses novos desafios, a StrategyBox separou 10 ideias de campanha de incentivo no Home Office para que empresas de todos os tamanhos possam aplicar e motivar seus colaboradores. Confira!

1. Cartões pré-pagos para compras on-line

Essa é uma opção de premiação muito bem aceita por colaboradores, utilizada bem antes do home office se popularizar. Os cartões pré-pagos sempre foram destaque e objeto de desejo entre os funcionários mais exigentes.

Cartão pré-pago StrategyBox para Campanha de Incentivo
Cartão pré-pago StrategyBox

A ideia é bem simples: você pode estabelecer um sistema de pontos para a sua equipe e, ao atingir determinada meta, a pessoa ganha X pontos, podendo trocar pelo cartão pré-pago no valor correspondente à sua pontuação.

Outra opção é estabelecer um ranking com premiações de acordo com a colocação do profissional.

Uma vantagem destes cartões é a possibilidade de personalizar com a arte visual da sua organização ou da sua campanha. Além de poder ser utilizado em lojas virtuais e em comércios físicos também.

2. Dia de folga

Dar um ou mais dias de folga para o colaborador costuma ser uma premiação bastante acessível para a empresa e muito gratificante para o profissional.  

Dia de folga no trabalho, ideias de campanha de incentivo no home office
Dia de Folga

Sabe aquele colaborador que vem se dedicando bastante? Ceder uma folga vai permitir que ele “recarregue as baterias”, estimulando a sua produtividade e satisfação com o trabalho.

As folgas não precisam ser exatamente prêmios por alcançar uma meta, mas sim uma gratificação e uma demonstração de valorização do profissional.

Podendo ser realizada no dia do aniversário e emendas de feriados, entre outras oportunidades. O importante é fazer disso uma gratificação pelo trabalho bem feito.

3. Cursos e treinamentos

Ao desenvolver e aplicar uma campanha de incentivo, é preciso ter em mente a individualidade de cada profissional. Cada colaborador está em uma fase diferente em sua carreira e muitos estão buscando o aprimoramento profissional.

Cursos como premiação Campanha de incentivo
Cursos como premiação Campanha de Incentivo

Ofertar bolsas de estudos como premiação ao atingir determinada meta costuma ser muito bem-visto, pois eleva o sentimento de valorização e mostra que a empresa acredita no potencial do profissional.

Caso não seja possível cobrir todos os custos do curso, você pode fazer parcerias com escolas e ofertar descontos em cursos de interesses de seus colaboradores.

O melhor de tudo é que hoje existem diversas opções de cursos e graduações em modo EAD (ensino à distância).

4. Upgrade nos equipamentos de trabalho

Um upgrade nos equipamentos de trabalho nada mais é que proporcionar melhores condições de trabalho. Muitas vezes, investimos em bons equipamentos no escritório, mas em casa o colaborador provavelmente está trabalhando com o seu próprio equipamento.

Upgrade no Ambiente de Trabalho
Upgrade no Ambiente de Trabalho

Premiar colaboradores com notebooks, mesas, cadeiras mais confortáveis, mouses, teclados ou webcams é uma ótima motivação. Esse upgrade no ambiente de trabalho favorece o aumento da produtividade e satisfação do profissional.

Afinal, trabalhar com um computador lento é extremamente difícil. Imagine cadeiras que provoquem dores nas costas; com o tempo o resultado será problemas de saúde. Outra situação é o desconforto de trabalhar em uma mesa inapropriada ou pequena demais.

Todos esses fatores implicam diretamente na produtividade, saúde e empenho do colaborador. A premiação e investimento no home office proporciona excelentes resultados.

5. Vouchers e assinatura em serviços

Hoje quase “todo mundo” assina algum serviço de streaming como Netflix, Amazon Prime, Paramount+, entre outras diversas opções disponíveis no mercado. No entanto, ter múltiplas assinaturas acaba pesando no orçamento familiar.

Vouchers e Assinaturas em Serviços
Vouchers e Assinaturas em Serviços

Então oferecer aos seus colaboradores assinaturas por alguns meses nestas plataformas pode se tornar uma das melhores ideias de campanha de incentivo no Home Office.

Pode ser uma premiação por atingir uma determinada meta, aumentar a produtividade em algum setor, entre outras opções.

6. Reconhecimento público

É da natureza do ser humano gostar de ser reconhecido por um trabalho bem feito, por seu empenho ou por suas habilidades únicas. Imagine então, em uma reunião virtual, receber agradecimentos do CEO da empresa por seu desempenho.

Reconhecimento Publico do Colaborador
Reconhecimento Publico do Colaborador

Criar uma cultura de agradecer o empenho dos profissionais ao seu redor é uma ótima ideia de campanha de incentivo. Além de estimular o sentimento de pertencimento, demonstra o quão importante este profissional é para a organização.

Ser parabenizado por pessoas de cargos mais altos, ou de pessoas que admiramos, é um grande incentivo para qualquer pessoa na equipe.

E tudo isso pode ser feito através de uma reunião virtual e até mesmo por uma mensagem direta por e-mail ou uma ligação.

7. Gift Card

Os Gift Cards são com certeza uma das formas mais acessíveis de premiar o seu colaborador. O Gift Card é uma espécie de vale que pode ser usado nos mais diversos serviços como streamings, táxis, jogos on-line, lojas virtuais e mais uma infinidade de opções.

Premiação com Gift Cards
Premiação com Gift Cards

Estes “cartões de presentes” possuem um valor fixo e um código que pode ser inserido nas plataformas escolhidas. A vantagem é que eles são facilmente encontrados em lojas varejistas como Americanas, Saraiva, Amazon, etc.

Você pode premiar o profissional ao atingir metas e objetivos pré-definidos, podendo escolher o valor de acordo com a pontuação desse colaborador.

8. Apoio psicológico

A OMS (Organização Mundial da Saúde) já afirmou que o estresse no trabalho pode ser o causador de várias doenças. Uma pesquisa da Isma-BR (representante da International Stress Management Association), com fonte do Estadão, revelou que 72% dos profissionais brasileiros têm algum problema de saúde em função do estresse.

Apoio Psicológico no Trabalho
Apoio Psicológico no Trabalho

Uma das ideias de premiação para funcionários nesse âmbito vem com ajuda profissional. Cerca de 9% dos profissionais, segundo o portal Saúde Business, gostariam de ter na empresa um programa de apoio psicológico.

O apoio psicológico pode melhorar a qualidade de vida e saúde do colaborador, permitindo um dia a dia mais tranquilo e com mais disposição para as tarefas diárias.

Com os novos desafios da pandemia, diversos psicólogos se adaptaram e também começaram a atender seus pacientes virtualmente.

9. Cobrir despesas do colaborador

Cobrir as despesas dos colaboradores é uma das ideias de campanhas de incentivo no Home Office que mais agrada os colaboradores e gera engajamento. No entanto, deve ser muito bem avaliada, uma vez que o colaborador contemplado deve gerar um retorno financeiro equivalente ou superior para a organização.

Cobrir despesas do colaborador como premiação
Cobrir despesas do colaborador

Outro ponto muito importante é a comunicação pública do porquê aquele profissional está recebendo o benefício desta forma. A ação deve servir de estímulo para outros colegas, evitando outros tipos de problema.

Inicialmente, você pode ofertar pagamentos de contas de luz, água, internet entre outros. Permita o ganho do benefício por um tempo determinado depois que uma meta for atingida.

10. Mentoria profissional

Como citamos no item 03 desta lista de 10 Ideias de Campanhas de Incentivo no Home Office, muitos profissionais buscam aprimoramento para crescerem em suas carreiras e executarem seu trabalho cada vez melhor.

Mentoria profissional para campanha de incentivo
Mentoria Profissional

Sendo assim, receber orientações de um profissional com mais especificidade, ser acompanhado de perto e aprender formas de melhorar a execução do seu trabalho costuma ser algo bastante gratificante.

Contratar um profissional para acompanhar seus colaboradores, ou até mesmo convidar um membro da empresa mais consolidado na carreira para dar mentorias, pode ser uma excelente formar de incentivo.

Investir na capacitação profissional tem ganhos positivos para a empresa e para o colaborador, além de criar um ambiente em que outras pessoas queiram trabalhar. Uma empresa bem falada por seus colaboradores atrai profissionais cada vez melhores e mais engajados com os valores da empresa.

Conclusão

O cenário atual do mundo não só nos forçou a conhecer e nos adaptarmos ao home office, mas também trouxe consigo desafios ainda maiores, colocando a eficiência de gestores e líderes à toda prova.

A nova realidade, sobretudo, nos mostrou que manter uma equipe unida, motivada e feliz é uma tarefa que exige cada vez mais atenção. Todos esses esforços são fundamentais para manter uma empresa perene, saudável e em crescimento mesmo em momentos tão difíceis e complexos.

Leia também: 10 Principais Erros ao Criar uma Campanha de Incentivo

Esperamos que você tenha gostado destas 10 ideias de campanhas de incentivo no Home Office e, caso tenha ficado com alguma dúvida ou tenha uma sugestão, deixe nos comentários.

Landing Strategybox
Artigo anteriorPor que investir em campanhas de incentivo corporativo?
Próximo artigoA campanha de incentivo precisa ser financeira?
Ana Famá
Ana Famá é empresária e CEO, que atua e dirige uma das empresas mais bem-sucedidas de Incentivos, Reconhecimento e Programas de Fidelização no Brasil - a StrategyBox. Atuando na área há mais de 20 anos, já desenvolveu programas e campanhas para todos os segmentos e tamanho de organizações. Ana se formou em Administração de Empresas pela Fundação Armando Alvares Penteado (São Paulo, Brasil), com especialização na Eastern Illinois University (Charleston, IL). Em 2004, conquistou seu Mestrado em Administração de Empresas pela USP - Universidade de São Paulo, e é também conselheira formada pela FDC.