Como uma empresa pode gratificar os funcionários?

0
87
Como gratificar os funcionários

Existem muitos fatores que estão em jogo para que um profissional opte em trabalhar ou se manter em uma determinada companhia. Além de gratificar seus funcionários, a empresa se torna muito mais atraente quando oferece um ambiente de trabalho tranquilo, um clima organizacional satisfatório, desenvolvimento profissional, reconhecimento, premiações e planos de carreira. Este é o algo mais que um profissional com grande potencial de engajamento almeja.

Atualmente, existe uma tendência na qual é o profissional quem escolhe o perfil de empresa que deseja trabalhar e não mais o contrário. Tempos modernos. Era dos propósitos.

Estamos vivendo a era dos propósitos

Hoje, informações valiosas sobre as empresas estão publicadas na internet, a um clique de distância de qualquer interessado ou candidato. Fazendo essa investigação, o profissional passa a avaliar se é válido para ele dedicar seu tempo em prol de uma corporação.

Existem diversos sites, como o Glassdoor, e selos como o GPTW, que revelam mais sobre a reputação das empresas, transformando-as – ou não – em verdadeiros objetos de desejo.

Gratificar os funcionários como forma de reconhecimento

Gratificar os funcionários está, então, entre as boas práticas que podem ser adotadas por uma empresa. Veja a seguir algumas formas interessantes de gratificar os funcionários.

Gratificação complementar

É muito importante descobrir qual a motivação dos funcionários. Converse e faça pesquisas. Mas não é preciso ir muito longe para descobrir o que pode ser mais motivador: recompensar um funcionário por um bom desempenho ou manter os ganhos inalterados independente dos resultados atingidos?

Gratificar é motivar
Gratificar é uma caminho para a motivação

A sua empresa pode, então, gratificar os funcionários de diferentes formas, como:

  • Bonificações e prêmios
  • Participação nos lucros
  • Participação acionária

A motivação é essencial para garantir que a engrenagem da empresa continue rodando. Dessa forma, a premiação passa a ser uma forma de agradecer e reconhecer o trabalho dos colaboradores que têm sua performance como um fator impulsionador ao crescimento da empresa.

 

Desenvolvimento Profissional

Ofereça cursos aos seus funcionários. Invista na capacitação sempre que acreditar no potencial do profissional. O aprendizado de algo novo é sempre uma maneira de valorização e motivação, podendo refletir diretamente na produtividade.

O poder de gratificar os funcionários

Gratificar e agradecer sempre
Gratificar e agradecer sempre

Gratificar os funcionários poderá proporcionar as vantagens competitivas significativas, como motivação e possíveis resultados financeiros. Contudo, há outros ganhos nesse processo como o fortalecimento da cultura organizacional.

Isso acontece porque a contribuição individual torna-se visível, assim como a fidelização, estabelecimento de vínculos e a importante sensação de pertencimento. Com as gratificações, empresa e funcionários crescem juntos.

Metas possíveis

Um dos primeiros critérios para se estabelecer uma cultura de gratificação é a determinação de metas desafiadoras, porém atingíveis. Caso a meta não seja possível, o efeito contrário pode acontecer e o funcionários passarão a sentir-se desmotivados. Além disso, a empresa tem que oferecer recursos e estrutura para que os resultados sejam atingidos.

Gratifique, considerando sempre uma regra simples: é preciso valorizar e, acima de tudo, ser grato a cada colaborador.

Landing Strategybox
Artigo anteriorO que um líder deve fazer para motivar a equipe?
Próximo artigoComo motivar o funcionário a produzir em prol da equipe?
Luciana Andre
Luciana André atua há 25 anos como executiva de empresas. Formada em Administração, possui pós-graduação em Finanças e MBA em Varejo e Mercado de Consumo pela USP. Profissional com experiência no Brasil e no exterior, atuou por 19 anos como executiva da multinacional de varejo C&A em áreas como Compras, Produtos, Planejamento e Projetos. Na área de Projetos, foi uma das líderes da equipe que comandou a implantação do ERP Oracle no Brasil e no México. Com grande habilidade estratégica e negocial, Luciana se juntou ao time da StrategyBox com o desafio de estruturar os sistemas de controle e vendas da empresa e dirigir a área Comercial. Sua capacidade em gerar resultados consistentes vem contribuindo muito para o crescimento da StrategyBox e sua liderança no mercado de premiação, incentivo e reconhecimento.